Wikia

Poesia

Canção da Ribeirinha

Comentários0
2 743 pages em
Este wiki
Canção da Ribeirinha
por Paio Soares de Taveirós
Considerado como o texto escrito em galaico-português mais antigo, de fins do século XII

No mundo nom me sei parelha,
mentre me for como me vai,
ca ja moiro por vós e ai!
mia senhor branca e vermelha,
queredes que vos retraia
quando vos eu vi em saia.
Mao dia que me levantei
que vos enton nom vi fea!

E, mia senhor, des aquelha
me foi a mi mui mal di'ai!
E vós, filha de dom Paai
Moniz, e bem vos semelha
d'aver eu por vós guarvaia,
pois eu, mia senhor, d'alfaia
nunca de vós ouve nem ei
valia d'ua correa

No mundo nom me sei parelha,

mentre me for como me vai, ca ja moiro por vós e ai! mia senhor branca e vermelha, queredes que vos retraia quando vos eu vi em saia. Mao dia que me levantei que vos enton nom vi fea!

E, mia senhor, des aquelha me foi a mi mui mal di'ai! E vós, filha de dom Paai Moniz, e bem vos semelha d'aver eu por vós guarvaia, pois eu, mia senhor, d'alfaia nunca de vós ouve nem ei

valia d'ua correa

Rede da Wikia

Wiki Aleatória